Padre Alberto Matos de Almeida foi homenageado pela União de Freguesias de Covilhã e Canhoso

Padre Alberto Matos de Almeida foi homenageado pela União de Freguesias de Covilhã e Canhoso

Diocese da Guarda

Padre Alberto Matos de Almeida foi homenageado pela União de Freguesias de Covilhã e Canhoso

 

A União de Freguesias de Covilhã e Canhoso homenageou o Padre Alberto Matos de Almeida, pelo seu trabalho e dedicação como sacerdote, há mais de 50 anos, com um especial agradecimento da população do Canhoso, onde foi pároco durante os últimos 25 anos.

A homenagem decorreu na Capela de Nossa Senhora de Fátima, durante a celebração da Missa Vespertina, no último sábado, 23 de Outubro.

A localidade de Canhoso, no concelho da Covilhã, esteve confiada ao padre Alberto Matos de Almeida, ao longo dos últimos 25 anos, passando agora para os cuidados pastorais do padre José António Dionísio Sousa.

O padre Alberto Matos de Almeida é natural de Famalicão da Serra, Guarda, onde nasceu a 10 de Novembro de 1939. Depois de frequentar os Seminários Diocesanos do Fundão e Guarda foi ordenado sacerdote a 28 de Julho de 1963. Do seu ministério pastoral destaca-se a passagem por Aldeia do Bispo e Vale de Estrela (Guarda). Foi Capelão Militar, no Ultramar.

Actualmente é pároco de Orjais, Sarzedo, Teixoso e Verdelhos (Covilhã).

A Câmara Municipal da Covilhã atribuiu, por deliberação de 5 de Julho de 2013, a Medalha de Mérito Municipal, categoria Prata, ao Padre Alberto Matos Almeida.

De acordo com o município, a distinção foi outorgada como “reconhecimento pelos serviços prestados no exercício da sua actividade eclesiástica, com repercussão no prestígio e afirmação do concelho”. A entrega da medalha pelo presidente Carlos Pinto teve lugar durante a cerimónia de comemoração dos 50 anos de sacerdócio do pároco, na igreja matriz do Teixoso.

Quarta, 3 de Novembro de 2021