Padre Manuel Igreja Dinis deixa o Sabugal e vai para o Outeiro de São Miguel

Padre Manuel Igreja Dinis deixa o Sabugal e vai para o Outeiro de São Miguel

Celebração de despedida decorreu no Salão da Junta de Freguesia

Padre Manuel Igreja Dinis deixa o Sabugal e vai para o Outeiro de São Miguel

 

O Padre Manuel Igreja Dinis, que está de saída da zona do Sabugal, foi homenageado, no último Domingo, 6 de Fevereiro, pelas comunidades de Águas Belas, Aldeia de Santo António, Quarta-Feira, Sabugal, Sortelha e Torre. “Reconhecidas e gratas pelo seu pastoreio”, estas comunidades organizaram, em conjunto, uma “Celebração de Despedida”, no Salão da Junta de Freguesia do Sabugal.

“Procurei dar o um melhor com o apoio do Espírito Santo para ajudar espiritualmente estas comunidades paroquiais” referiu o Padre Manuel Igreja através de uma mensagem lida durante a celebração. E acrescentou: “Chegou ao fim a minha actividade como pároco do sabugal e das outras comunidades que me foram confiadas. Havendo falta de sacerdotes o Senhor Bispo dispensou-me destas tarefas e, com as forças que ainda tenho, serei assistente espiritual das diversas comunidades dos Servos de Jesus e terei como Centro e Residência o Outeiro de São Miguel”.

Na mensagem lida às comunidades, o Padre Manuel Igreja Dinis adiantou que o pároco que vai substituir, nas paróquias onde agora cessa funções, também ficará com as paróquias de Rendo e Vila Boa e tomará posse no próximo Domingo, 13 de Fevereiro.   

Manuel Igreja Dinis nasceu em 1941, em Rochoso, concelho da Guarda. Estudou nos seminários diocesanos do Fundão e Guarda, tendo sido ordenado sacerdote, em Gouveia, em 1965. Depois da ordenação foi pároco no concelho e arciprestado de Almeida (Azinhal, Valverde e Peva). Seguiram-se as paróquias de Vila Fernando, Adão e Vila Garcia, no arciprestado do Rochoso, concelho da Guarda. Continuou o percurso pastoral no Seminário do Fundão como educador, professor e, mais tarde, director espiritual. No concelho do Fundão foi pároco de Alpedrinha, Orca e Zebras. Em 2007 foi nomeado pároco do Sabugal, Aldeia de Santo António, Rapoula do Côa e Ruvina. Um ano depois deixou as paróquias de Rapoula do Côa e Ruvina e foi nomeado pároco de Sortelha e Águas Belas.

Manuel Igreja Dinis tem um gosto especial pela poesia que apresentou, recentemente, no livro “Caminhando se faz o caminho”. Em declarações ao Jornal A Guarda disse que este gosto pela poesia lhe vem “dos tempos que, em Vila Fernando, durante 20 anos” teve à sua responsabilidade um Posto da Telescola, que foi, para muitos jovens, uma prancha de lançamento para novos voos na vida”. Em Vila Fernando criou um grupo de Teatro Amador, onde tomou gosto pelo teatro e pela música. A paixão pelo teatro continuou em Alpedrinha onde realizou “a Paixão de Cristo ao vivo”.

No Sabugal orientou a quarta página do jornal semanário, ‘Amigo da Verdade’ com o título de ‘Amigo do Sabugal’, desde 2007 até 2019, ano em que deixou de ser publicado.

Catorze anos e alguns meses depois de ter entrado no Sabugal (7 de Outubro de 2007), o padre Manuel Igreja Dinis assume uma a as funções de Assistente espiritual da Liga dos Servos de Jesus, substituindo no cargo o Padre Jorge Colaço.

Sexta, 11 de Fevereiro de 2022